Qual é o seu estilo?

Na hora de comprar, é fundamental saber quais os estilos você mais se identifica.

 

Romântico, clássico, criativo, moderno, esportivo e sexy. Estes são alguns estilos que falam um pouco de quem você é. Eles são uma espécie de cartão de visitas que lhe apresenta antes que, de fato, lhe conheçam. Por isso identificar aqueles que lhe caem melhor é a palavra-chave no momento de compor o guarda-roupa. Mas fique atenta. “Nem tudo que é permitido é pertinente”, diz Alyne Ramos, consultora de Imagem e Estilo. “No trabalho, por exemplo, alguns estilos, como o sexy e o dramático não são bem-vindos”, argumenta. “Nestes ambientes, sempre oriento minhas clientes a preservar o sexy que existe no estilo delas para peças pontuais como bolsas e sapatos”, acrescenta.

Confira abaixo os estilos mais predominantes, segundo a descrição da consultora:

Romântico ou feminino – Mulheres receptivas, delicadas, de gestos suaves e contidos. Estes traços aparecem nas opções de roupas com babados, rendas, brilhos, laços, cores suaves ou claras. Peças com ar vintage também têm espaço em seu guarda-roupa, já que tendem à nostalgia.  Acreditam nas pessoas e gostam de cuidar delas. Por outro lado, essas roupas passam a ideia de fragilidade e infantilidade, fazendo com que percam a credibilidade no ambiente de trabalho. Muitas vezes, elas são atropeladas pelas pessoas e ficam sobrecarregadas pelo excesso de tarefa, já que tem dificuldade em dizer “não”.

Clássico ou social – Pessoas com tendência à organização, centradas e no controle da situação. São elegantes e prezam por peças de qualidade que durem para todo sempre, amém. Optam por roupas que transmitam essa ideia, sempre combinando uma peça com a outra.  Gostam de cortes retos e evitam as assimetrias. Preferem tons neutros. Cores fortes, estampas e brilhantes não fazem parte de sua escolha natural.  Sentem-se desconfortáveis quando suas roupas não estão de acordo com o ambiente. Por optarem por tons neutros, elas correm o risco de ter um guarda-roupa invisível, o que pode transmitir a imagem de conservadora, rígida, previsível e datada.

Criativo ou hippie – Como o próprio nome já diz, são pessoas criativas, talentosas que gostam de se expressar através de suas roupas. Não gostam de parecer igual a todo mundo. Suas roupas têm sempre uma pegada mais diferente e bem-humorada. São apaixonados por detalhes e peças étnicas têm vez no guarda-roupa. Gostam bastante de textura, seja nos tecidos ou em bolsas e acessórios. Amam viajar, ler livros ou revistas sobre viagem. Porém, tanta informação pode acabar passando a sensação de uma pessoa desconcentrada e sem foco. É bom evitar esse estilo no ambiente de trabalho, ainda mais se ele for extremamente formal.